O que cai na prova do Detran?

Diariamente nos chegam dúvidas de alunos, sobre questões e assuntos abordados em exames de primeira habilitação. A pertinência das observações e a importância do assunto nos fizeram estudar muitos dos processos de seleção hoje vigentes. Na tentativa de entender o mecanismo contido em tais sistemas, acabamos encontrando incoerências que, se por um lado explicam os maus resultados, por outro lado são inexplicáveis se observadas pelo prisma do bom senso.

Alguns exemplos de incoerências encontradas:

  • Muitas questões encontradas são excessivamente técnicas, e apesar de terem sido retiradas do Código de Trânsito Brasileiro, têm conteúdo irrelevante para a segurança do trânsito, sob o ponto de vista do condutor. São coerentes apenas quando aplicadas a instrutores ou agentes de trânsito.
  • É frequente, também, o uso de “pegadinhas”, que absolutamente não servem para medir conhecimento do candidato. Elas podem fazer com que o candidato erre mesmo que domine o assunto, pois elas causam confusão com pequenos detalhes.
  • Outra situação é quando as questões que utilizam um português complicado e prolixo que não leva em conta o nível cultural e a capacidade de interpretação dos candidatos.
  • Além disso, em muitos estados notamos bancos com número muito reduzido de questões que permitem que os alunos consigam decorar as respostas sem terem aprendido nada, o que frustra qualquer tentativa de educar seriamente.

Como é a prova teórica

O objetivo de uma prova teórica é avaliar se o conhecimento do candidato sobre o conteúdo das disciplinas obrigatórias é condizente com a segurança do trânsito que a sociedade almeja.

As atuais provas para avaliação de candidatos à primeira habilitação que são aplicadas pelos DETRANs são objetivas, sendo que a maioria dos estados opta por questões de 4 alternativas e uma pequena parte, ainda, pelo formato de 5 respostas.

O que cai na prova

De acordo com a norma que regulamenta os exames da primeira habilitação, a prova convencional ou eletrônica deve conter no mínimo 30 (trinta) questões, incluindo todo o conteúdo programático, proporcional à carga horária de cada disciplina. Isso quer dizer que, se a prova tiver 30 questões, você já sabe que cairão:

  • 12 questões de Legislação de Trânsito;
  • 10 questões de Direção Defensiva;
  • 3 questões de Noções de Primeiros Socorros;
  • 3 questões sobre Noções de Proteção e Respeito ao Meio Ambiente e de Convívio Social no Trânsito;
  • 2 questões sobre Noções de Funcionamento do Veículo.

Para passar por essa etapa, o futuro condutor deve obter aproveitamento de, no mínimo, 70% (setenta por cento) de acertos.

Tipos de questões

As questões podem variar bastante de Detran para Detran, em alguns as perguntas são mais simples e diretas e em outros envolvem mais de um conceito, exigindo que o candidato mantenha concentração total na pergunta para não se confundir.

Com essa dica esperamos que você tenha um grande desenvolvimento.

E se você está procurando um auto escola na região de Diadema –SP, confiável e ágil em todos os processos. Entre em contato conosco, CLIQUE AQUI.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *